O Lar Infantil Shechem

Esperança para as crianças sobreviventes da exploração

CONTRIBUIR AGORA

Hannah*, de 10 anos, e sua irmã Christie, de 8 anos, recusaram-se a entrar na primeira vez que chegaram ao Lar Infantil Shechem.

As duas garotas tinham acabado de ser resgatadas de um ambiente onde estavam sendo abusadas sexualmente on-line, elas não tinham certeza que poderiam confiar nas pessoas da nova casa. Embora finalmente tenham entrado, precisaram de um tempo para fazer amizade com as outras crianças do lar.

A Realidade da Exploração

O Lar Infantil Shechem é um centro de avaliação a curto prazo para crianças como Hannah e Christie: sobreviventes da exploração sexual infantil on-line (OSEC). Esta é uma forma de tráfico humano em que imagens ou vídeos de crianças que praticam atos sexuais são vendidos na Internet. É um problema crescente a nível mundial e, nas Filipinas, onde Shechem está localizado.

Há muitos fatores que tornam a OSEC difícil e complicada de ser abordada, entre eles:

  • A maioria dos agressores são membros da família imediata das crianças.
  • Trata-se de um problema global. As pessoas que lidam financeiramente com isto estão predominantemente localizadas em países ricos ocidentais em todo o mundo.
  • Situações de segurança a longo prazo podem ser difíceis de se estabelecer.

Hannah e Christie são apenas duas das crianças que vieram para o Lar Infantil Shechem.

Com a ajuda e orientação dos seus assistentes sociais e terapeutas, as irmãs puderam experimentar cuidados e cura de traumas.

Criando um lar de esperança e cura.

O Lar Infantil Shechem fornece para as crianças, entre tantas outras coisas:

  • Terapeutas, pais de família, membros da Igreja do Nazareno, assistentes sociais domiciliar e comunitários, capacitados no cuidado de traumas.
  • Um ambiente de vida seguro e amoroso para 12 crianças.
  • Assistência na definição da localização permanente das crianças.
  • Cuidados médicos, educacionais e espirituais.
  • Um ambiente amoroso baseado no amor e compaixão de Cristo.

No Lar Infantil Shechem, nas Filipinas, a esperança é uma peça importante do quebra-cabeça.

Histórias de impacto

Jasmim, 18 anos, foi abusada pela sua sogra, juntamente com três outras crianças que viviam no lar. No Shechem, onde ela estará antes de ir permanentemente para a sua próxima casa, está protegendo a si mesma e a sua filha de 1 ano, Bea, da exploração.

Através das lições e da orientação dos tutores da casa, ela diz que está aprendendo a ser uma mãe melhor para Bea.

Daniel, de 14 anos, veio para Shechem com a sua irmã mais velha. Quando chegou, estava rancoroso e irritado. Daniel foi forçado a crescer depressa e reencontrar a alegria da infância parecia quase impossível. Na casa, porém, teve a oportunidade de voltar a ser uma criança.

Tornou-se novamente esperançoso, e diz nunca ter experimentado nada como Shechem antes.

Você pode fazer a diferença.

Pode ajudar as crianças a continuar experimentando a esperança e a cura. Doe agora o seu apoio ao trabalho do Lar Infantil Shechem.